terça-feira, 2 de setembro de 2014

Sorteio: Capinha para iPhone 5 Integralmédica


Como participar:

• 1. Seguir o Vem Na Mão no Twitter (obrigatório):

• 2. Curtir a Fan Page (obrigatório):


• 3. Comente nos comentários abaixo com seus dados (NOME e EMAIL para contato, se não nós não temos como adivinhar! )

Prêmio: Uma capinha da Integralmédica... Não vai perder essa chance né?

Data do Sorteio: 15/09/14

Regras:
* Perfis fakes não serão contemplados;
* Tanto a premiação quanto o envio serão de responsabilidade do blog;
* Os ganhadores serão procurados pela pelo blog e não pela Integralmédica.

 

Nova temporada do XFCi tem eventos em ginásios, cinturão e 17 países representados

Sexta edição acontece no dia 27 de setembro, em Araraquara, com campeão Deivison Dragon, novos GPs e definição da primeira temporada


Depois de fincar bandeira no Brasil no primeiro semestre, em cinco eventos nos estúdios da RedeTV!, o XFC International começa seu processo de expansão e, pela primeira vez, terá um ginásio como palco. No dia 27 de setembro, no Gigantão, em Araraquara (SP), a segunda temporada do XFCi se inicia com 13 lutas e a primeira disputa de cinturão em solo brasileiro. Deivison "Dragon" Ribeiro coloca seu título peso-pena (até 65,8kg) em jogo contra o norte-americano Waylon Lowe. A final da primeira temporada do GP feminino peso palha (até 52,2kg), entre Vanessa Guimarães e Vanessa Melo, e mais duas lutas dos novos GPs completam o card principal, transmitido ao vivo pela RedeTV! a partir de 0h30 da madrugada de sábado para domingo.

As disputas internacionais, que marcaram a primeira temporada, alcançam novo patamar nesta segunda etapa, com 48 novos atletas de 17 países diferentes. Já no XFCi 6, Brasil, Estados Unidos, Rússia, Finlândia, México e Colômbia serão representados neste evento da organização, que terá quatro edições ainda em 2014 e mais uma em janeiro de 2015, encerrando a temporada. Myron Molotky assume oficialmente a presidência do XFC nos Estados Unidos e das operações internacionais, e tem ao lado o CEO Edward Jung e o matchmaker Eduardo Duarte.

"Estamos muito animados com a segunda temporada, repleta de lutadores talentosos e grandes emoções por vir", projeta Molotky. "Nosso objetivo na primeira temporada foi cumprido. Mostramos o XFC ao Brasil e ganhamos a confiança dos brasileiros. Viemos para o país para ficar por muito tempo, para descobrir e dar oportunidades para novos atletas mostrarem seu talento e competirem com regularidade e estrutura. Agora que estamos em arenas, cada vez mais fãs poderão ser contagiados pelo XFC e nossos princípios de honra e integridade", conclui.

Do interior do Pará ao cinturão

Único brasileiro a conquistar o cinturão do XFC, Deivison Dragon nasceu na cidade de Igarapé-açu, no Pará, com aproximadamente 37 mil habitantes e 122km distante da capital Belém. Hoje, mora nos Estados Unidos, representando a American Top Team, e estreou no evento com derrota. Depois, venceu três lutas em seis meses, todas em solo norte-americano, a última contra o russo Farkhad Sharipov, que lhe rendeu o título máximo e a 25ª vitória em 34 combates. Com apenas 25 anos, tem 10 nocautes, quatro finalizações e estreia no XFCi em seu país natal.

Já Waylon Lowe, de 33 anos, lutou pelos principais eventos de MMA do mundo antes de assinar com o XFC International. Dono de um cartel de 14 vitórias e cinco derrotas, faz sua segunda luta pelo XFCi, trazendo consigo uma sequência de seis triunfos nas últimas dez lutas. O norte-americano já nocauteou sete oponentes e finalizou três, criando a expectativa de um grande confronto em pé contra Dragon.

Torneios com grandes talentos

Os novos torneios, que garantem aos vencedores contrato com o XFC e a medalha de ouro que os credenciam a entrar numa linha de concorrentes ao cinturão, recomeçam nesta edição. No XFCi 6, têm início os GPs das categorias peso galo (até 61,2kg) masculino e peso mosca (até 56,7kg) feminino. Grandes equipes do Brasil estarão representadas, como a Chute Boxe Diego Lima, com o araraquarense Julio Cesar "Xaropinho" e Diogo Sotero, enfrentando Carlos Rivera e Diogo D’Ávila, respectivamente, e a Nova União, com Poliana Botelho no card preliminar contra a mexicana Karina Rodriguez. A CM System terá sua bandeira defendida por Lerryan Douglas, de apenas 18 anos, diante do compatriota Daniel Virgilio.

Sobre o XFCi

Organização de prestígio nos Estados Unidos, o Xtreme Fighting Championships (XFC) desembarcou no Brasil em fevereiro de 2014, com o XFC International. O objetivo do evento é revelar novos talentos nos torneios, e quatro potenciais estrelas já foram coroadas na primeira temporada - Alberto Uda (até 84kg), Nathan Schulte (70kg), Alejandro Villalobos (66kg) e Silvana Gomez (57kg) receberam suas medalhas de ouro maciço e estão na linha de disputa pelo título. O Brasil conta com um detentor de cinturão, o paraense Deivison Dragon, no peso pena (até 66kg). O evento é transmitido ao vivo pela RedeTV! para todo o Brasil e conta com programa semanal dedicado na grade da emissora.

Site oficial: www.xfcmma.com

XFC International 6

Data: Sábado, 27 de setembro de 2014
Local: Ginásio Municipal Castelo Branco "Gigantão" - Avenida La Salle, S/N, Araraquara (SP)
Horário: 21h (de Brasília)
Transmissão: Ao Vivo na RedeTV! a partir de 0h30 de sábado para domingo

Card Principal - RedeTV!

Até 65,8kg: Deivison "Dragon" Ribeiro vs Waylon Lowe (EUA) - Disputa de cinturão peso-pena
Até 61,2kg: Alejandro Abomohor (COL) x Luan Gazzeta - GP peso-galo
Até 52,2kg: Vanessa Guimarães x Vanessa Melo - Final da 1ª temporada do GP feminino peso-palha
Até 56,7kg: Rachael "The Panter" Cummins (EUA) x Taila Santos - GP feminino peso-mosca

Card Preliminar - Transmissão na semana seguinte

Até 61,2kg: Carlos "Lobo" Rivera (MEX) x Julio "Xaropinho" Rodrigues - GP peso-galo
Até 56,7kg: Karina Rodriguez (MEX) x Poliana Botelho - GP feminino peso-mosca
Até 61,2kg: Daniel Virgilio x Lerryan Douglas - GP peso-galo
Até 56,7kg: Julia Borisova (RUS) x Debora Ferreira - GP feminino peso-mosca
Até 61,2kg: James "The Phenom" Gray (EUA) x Lucas "Treta" Moraes - GP peso-galo
Até 56,7kg: Vuokko Katainen (FIN) x Silvana "Marrentinha" Pereira - GP feminino-peso mosca
Até 77,1kg: Alfredo Morales (MEX) x Marcelo Barreira - Super Luta
Até 61,2kg: Diogo "Sinistro" D’Ávila x Diogo Sotero - Luta reserva GP peso-galo
Até 77,1 kg: Steven "Relentless" Newel (EUA) x Wesley do Nascimento - Luta reserva GP peso meio-médio

 

Nocaute do dia!

King Mo aplicando um nocaute bruto. Vale a pena ver de novo:


Séloko, caixão e vela preta depois desse soco.

 

Dana revela desejo de casar duelo entre TJ e Faber: 'Vou fazer essa luta'

Presidente do UFC afirma que os companheiros de Alpha Male não vão negar se enfrentar.


Dana White nunca aceitou o fato de companheiros de academia não se enfrentarem. Para provar que pode casar um duelo com dois lutadores do mesmo time, o presidente do UFC afirmou que está certo de realizar um confronto entre o campeão dos galos do Ultimate TJ Dillashaw e Urijah Faber, ambos atletas da equipe Alpha Male.

Segundo o mandatário, apenas uma coisa impede que o duelo não aconteça agora. Para ele, Faber ainda precisa se colocar na posição de desafiante e confia 100% que não terá restrições dos lutadores para a luta sair do papel.

- Primeiro o Faber precisa vencer alguém e se colocar como desafiante número um de novo. Se ele conseguir isso, vou fazer essa luta contra o TJ e sei que ele vai aceitar. Apesar dos dois não falarem publicamente que se enfrentariam, tenho certeza que os dois topam se encarar - disse o cartola.

No último fim de semana, TJ Dillashaw manteve o cinturão dos galos do Ultimate pela primeira vez, quando venceu Joe Soto por nocaute com um chute alto, no UFC 177. Já Urijah Faber não luta desde julho deste ano, no UFC 175, na vitória sobre Alex Caceres.

---
Via: Lance!Net

 

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Top 10 vídeos que mais bombaram no canal do VNM no Youtube

Só os top dos top's. Selecionados a dedo...


 

Giovanni Diniz defende título contra Claudiere Freitas no Wocs

Edição 37 do evento acontece no dia 12 de setembro, no Rio de Janeiro, e tem também lutas de Júlio Cesar Merenda e André Muniz.

Carol Correia/Divulgação

A 37ª edição do Wocs (Watch Out Combat Show) terá a terceira disputa de cinturão de 2014. No dia 12 de setembro, no ginásio do Oásis Clube, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, o atual campeão peso-leve (até 70kg) da organização, Giovanni Diniz, faz a defesa de título contra Claudiere Freiras na luta principal da noite. Na co-luta principal, Júlio Cesar Merenda, da TFT, enfrenta Israel Vieira, da Crezio Team, em duelo de meio-médios (até 77kg), e André Muniz, outro grande nome da TFT, enfrenta João Paulo dos Santos, da Chiquinho Fight Team, pelos médios (até 84kg), buscando sua quarta vitória em cinco lutas na organização. A TV Esporte Interativo transmite, ao vivo, a partir das 21h (de Brasília).

Promessa de show de trocação na luta principal

Dono de uma extensa carreira no MMA, Giovanni Diniz é um dos professores de boxe de atletas já consagrados, como o campeão dos penas do UFC, José Aldo, o ex-campeão Renan Barão, e Dudu Dantas, campeão do Bellator. Aos 38 anos, com cartel de 21 vitórias e oito derrotas, ele faz sua primeira defesa de título no Wocs, conquistado na 32ª edição, contra Lucas Bob Esponja, em dezembro de 2013.

Claudiere Freitas, rival de Giovanni, é reconhecido pelo estilo striker e já participou de um duelo principal do Wocs, na edição 28, em Gramado (RS), derrotando o ex-TUF Brasil 2 Cleiton Foguete, por finalização com uma guilhotina. O atleta de 33 anos, representante da Team Nikolai, venceu três de seus últimos quatro combates. 

"Essa disputa de título entre Giovanni e Claudiere será muito interessante e temos grande expectativa de um espetáculo para os fãs. Esperamos muito desse duelo, já que o último combate pelo cinturão dos leves foi uma das melhores lutas do ano, em minha opinião. Diniz, além de atual campeão, tem o respaldo de ser professor de grandes nomes do MMA e tenho certeza que, junto com o Claudiere, vai proporcionar um grande show para o público", disse Phillip Lima, um dos organizadores do Wocs ao lado de Otávio "Tatá" Duarte.


Sobre o Wocs

O Watch Out Combat Show (Wocs) é um evento de MMA nacional criado há seis anos, com 36 edições já realizadas, a primeira delas em maio de 2008. Fundado pelo campeão mundial de jiu-jitsu Otávio "Tatá" Duarte e pelo mestre de muay thai Phillip Lima, o evento nasceu no Rio de Janeiro e já visitou praças como Gramado (RS), Montes Claros (MG) e Itajaí (SC). O Wocs já fez parte da carreira de atletas hoje no UFC como Renan Barão, Thiago Marreta, Luiz Besouro e William Patolino e, desde 2014, é transmitido pela TV Esporte Interativo para todo o Brasil.

Wocs 37

Data: Sexta-feira, 12 de setembro de 2014
Horário: 21h - Ao vivo no Esporte Interativo
Local: Oásis Clube (Av Prefeito Dulcídio Cardoso 3004 - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro)

Card Principal

Até 70kg: Giovani Diniz (NU) x Claudiere Freitas (Nikolay) - Disputa de cinturão 
Até 77 kg: Julio Cesar Merenda (TFT) x Israel Vieira (Crezio Team)
Até 84 kg: André Muniz (TFT) x João Paulo dos Santos (Chiquinho Fight Team) 
Até 84kg: Nelson Filho (King's NFT) x Daniel Oliveira (PRVT) 
Até 70kg: Igor Benzininha (GBCT) x Fernando Henrique (Nigue Team) 
Até 77kg: Isac Dull (GBCT) x Gabriel Barreiro (Caverna Team) 
Até 62kg: Thiago Araújo (TFT/Infight) x Marcos Boya (PRVT) 
Até 66kg: Rodrigo "Mogli" (RFT)x Matheus Silva (PRVT) 

Card Amador 
Até 62kg: Raimundo de Souza (RJJ) x Leandro Faria (RFT) 
Até 93kg: Sandro Paladino (TFT) x Rennan Paiva (PRVT) 
Até 70kg: Fernando Prudente (TFT) x Adelson Neto (PRVT) 
Até 62kg: Adan Felipe (TFT/Infight) x Luiz Felipe (Tropa Thai)

 

Bom dia!

5 contra 1 todo mundo gosta, todo mundo ama!


Em breve voltaremos com mais conteúdo assim.